sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Peru Gastronômico

Aproveitando as férias dessa época de festividades trago-lhes uma sugestão deliciosa que a Speed System preparou. 
Famosa e reconhecida por sua variedade e qualidade no mundo todo, a cozinha Peruana surpreende por sua riqueza de sabores, aromas, texturas e cores. Respeitada em todo o mundo, tem conquistado, também, os brasileiros que já encontram bons restaurantes peruanos, sobretudo nas grandes Capitais. Fiel reflexo da identidade do país, a Cozinha Peruana resulta da fusão de culturas e influências diversas - indígenas, europeus, africanos e asiáticos - herdadas através de séculos de convivência, somadas à uma variedade de produtos e ingredientes gerados pela privilegiada diversidade biológica e climática da região.

O Peru possui cerca de dois terços dos ecossistemas do mundo, 80 de 104 - é o que permite que o receituário peruano seja tão grande quanto diverso, com sua característica abundante de tubérculos, ervas aromáticas, frutas, verduras, carnes e pescados. São 4.000 variedades de batatas, 36 tipos de milho, 1.500 tipos de batata doce e inhame, 623 variedades de frutas e cerca de 800 espécies de pescados (entre peixes e frutos do mar), o que dá uma boa mostra da extraordinária diversidade de matérias primas disponíveis no país que era tido como a despensa do mundo pré-colombiano. Esses ecossistemas, agrupados em 3 grandes regiões: costa, serra (Andes) e selva (Amazônia), são fonte inesgotável de riqueza para a gastronomia peruana, com produtos nativos, usos e costumes locais que confluem em pratos tradicionais, muitas vezes legados por antepassados remotos. 

Os generosos recursos do mar peruano disponibilizam mais de mil espécies comestíveis entre peixes e frutos do mar, como corvina, lagosta e linguado. A preparação mais comum é o cebiche (ceviche ou seviche), o verdadeiro embaixador da culinária peruana pelo mundo. Dos Andes, chegam a batata, milho, além de carnes de cuy (parecido com porquinho-da-índia) e o ají (tipo de pimenta), que formam a base da comida serrana e encontram-se no país todo. Já a região amazônica agrega excepcionais manjares ribeirinhos e carnes de caça, normalmente acompanhadas de banana e mandioca, além de peixes de rio. As frutas, como a “chirimoya” e a “lúcuma” são inigualáveis nas sobremesas. 

E se você quiser aprender um pouco mais sobre essa incrível culinária, aproveite o roteiro preparado pela Speed System, com um curso o Cozinha Peruana para Estrangeiros no Instituto Gastronômico D’Gallia. A escola abre suas portas para todos os estudantes e profissionais de gastronomia através de seus programas exclusivos para estrangeiros.
 
Os estudantes têm o respaldo do prestígio do Instituto Gastronômico D’Gallia, instituição educativa que busca a excelência em sua missão de formar e atualizar profissionais da gastronomia para que sejam capazes de se destacar em um mercado competitivo e globalizado.  Ao concluir o programa, o participante recebe um diploma em Cozinha Peruana em nome do Instituto Gastronômico D’Gallia. Para obter a certificação, o aluno deve concluir no mínimo 80% das atividades propostas.
 

O curso ressalta pratos mais representativos da cozinha peruana; pescados e mariscos; influências da cozinha chinesa; sobremesas peruanas; visita guiada ao mercado local para conhecer os ingredientes peruanos; cozinha peruana de vanguarda; bebidas e coquetéis clássicos e criativos. Inclui: aulas de segunda a sexta, das 10:00h as 18:00h (intervalo de 13:00h as 15:00h), jaleco, avental, gorro, matéria de estudo, degustações, ingredientes e certificado de participação. 


O roteiro proposto, além do curso, também trazer lazer e diversão. Já no primeiro dia, após a chegada em Lima, um jantar no Restaurante Astrid & Gaston. No segundo, após café da manhã, há passeio pelas principais ruas, praças e avenidas da cidade. Visita ao Parque do Amor em Miraflores, que tem uma espetacular vista do Oceano Pacífico. Vista panorâmica da Huaca Pucllana, centro cerimonial da cultura Lima, e em San Isidro, centro financeiro da cidade, os viajantes apreciarão a Huaca Huallamarca, antigo centro de adoração pré-inca. Seguindo para Praça de Armas, há o Palácio de Governo e o Palácio Municipal. Visita à Catedral e caminhada até San Francisco, convento do século XVII, onde se pode internar em suas famosas catacumbas. 

À tarde tem expedição para conhecer mais sobre os antigos peruanos no Museu Larco, mansão do vice-reinado, única no seu gênero que data do século XVIII e que foi construída sobre uma pirâmide pré-colombiana do século VII. A visita continua rumo a um antigo barzinho tradicional, no qual haverá degustação de alguns sanduíches peruanos acompanhados por um Pisco Sour, bebida bandeira do país. 

Por último, Circuito Mágico de Água, o novo ícone de entretenimento da cidade. Um maravilhoso espetáculo de Fontes Ornamentais que brindam a mistura de cor, ilusão e fantasia. No terceiro dia adiante há curso após o café da manhã e jantar no restaurante Astrid & Gastón, ou outro de sua preferência. São oito dias de muito aprendizado e descobertas saborosíssimas! Um roteiro imperdível! 
Bom Voyage!

Informações e reservas: Renata Azevedo 
E mail: renata@speedsystem.com.br 
Telefone: (31) 3298.1000 - Celular: (31) 9958.0628
R. Marília de Dirceu 173 - Lourdes. Belo Horizonte / MG 

2 comentários: