quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Stollen

Essa é mais uma das maravilhosas e delícias de Dona Lia, amiga de Madame Keller (autora do bolo de mel), mãe de Helga Meyer e uma querida amiga da nossa família que deixou uma lembrança muito gostosa de seu sorriso doce e das receitas divinas! O frango com aspargos é dela!
O Stollen é um bolo alemão. Em minhas pesquisas pela internet afora vi diversas receitas.
Cada uma com ingredientes mais diversificados que a outra e as histórias sobre a origem desta maravilha também é pouco unânime entre os blogueiros que visitei. Fato comum, contudo, entre eles, é que essa iguaria teve origem nos idos de 1400 para presentear os amigos no natal. A fermentação demorava cerca de 4 meses e fazer o bolo era uma prova de amizade. 
Se essa versão é a verdadeira, não sei, mas achei muito linda a intenção de programar meses antes, com todo carinho, um bolo tão saboroso para os amigos.
E parece que minha mãe, sem saber essa história, há anos segue a tradição de presentear algumas pessoas queridas com esse bolo maravilhoso!
Essa semana fui até a casa dela para aprender, fotografar e trazer aqui para vocês o passo a passo dessa delícia! O difícil é traduzir a receita do caderno de diz um pouco disso e mais um pouco daquilo... Acho que ela definitivamente não é muito adepta a medidas! Mas, enfim, prestei bastante atenção e aqui está a receita para vocês.
Começamos pela massa. 
Em uma batedeira misture 1 pacote de manteiga com 125g de açúcar.  Acrescente 2 ovos e casca de 1 limão ralado. Assim que estiver homogêneo desligue. 
Em um processador bata 250g de ricota. 
Misture-a na batedeira com a massa de manteiga, açúcar e ovos. Agora você precisa peneirar 1/2 kilo de farinha de trigo e 1 colher (das de sopa) bem cheia de pó royal.
Junte à massa da batedeira e sove até que fique sem grudar na vasilha. Caso seja necessário, junte um pouco mais de farinha. 
Você abrirá a massa com o rolo como está na foto, semelhante à abertura de massa para fazer  rocambole.
Aberta a massa, vamos acrescentar o recheio que é uma mistura de 1/2 xícara (das de chá) de frutas cristalizadas, 1/2 xícara (das de chá) de passas, 1/2 xícara (das de chá) de cerejas em conserva, uma tampinha de vinho do porto, 1 ovo e 1/2 xícara (das de chá) de nozes. 
Enrole a massa como se faz com o rocambole. 
Unte um tabuleiro com manteira e polvinhe farinha de trigo para o stolen não grudar.
Deixe assando por 1h e 30' em forno baixo 150°C. Por fim, logo que retirar do forno, polvilhe açúcar refinado peneirado por cima do bolo ainda quente.
Guten Appetit !



2 comentários:

  1. Olá Drica, que linda a homenagem que você fez para Dona Lia e Madame Keller, adorei mandei para todos que,como você tambem curtiram minha mãe, muito obrigada.
    Continue neste ritmo pois já estou viciada em abrir todos os dia o seu blog.
    Para você, Fernanda e Mami um grande abraço de Feliz Natal e um 2012 recheado de boas receitas.
    Helga

    ResponderExcluir
  2. Helga, fico emocionada lembrando de sua mãe e das delícias que ela e você também faziam quando eu era ainda criança.
    Um ótimo natal a todos e que 2012 seja sensacional para todos nós!

    ResponderExcluir